17 de abr de 2014

Rapidinha do Aldeir.

Vasco vive novo drama.


O Vasco voltou a viver uma situação dramática, três dias depois de perder a decisão do campeonato carioca para o Flamengo num erro de arbitragem. Venceu o Rezende por 1 a 0, mas só depois de ter mais um gol legal invalidado e ver um jogador sair do estádio de ambulância.


O Vasco mandou no jogo, impôs sua superioridade, mas esbarrou na falta de um jogador de conclusão. Escalado para fazer a função do Edmílson, Everton Costa encontrou muita dificuldade para jogar entre os zagueiros. Saiu sentindo-se mal e acabou sendo levado de ambulância para o hospital. Montoya entrou em seu lugar e incendiou o jogo, mas o gol teimava em não sair.


Até que o árbitro deu um pênalti sobre Reginaldo, que foi muito contestado pelos jogadores do Resende. Não fosse o erro do assistente no primeiro tempo, talvez Rodrigo Carvalhaes não tivesse marcado este pênalti. Douglas bateu com categoria para fazer o gol que viria a ser o da classificação.


A lamentar o fato de Everton Costa ter saído com suspeita de uma doença grave, a ser melhor explicada pelos médicos. O Vasco já viveu dramas demais nas últimas horas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário