4 de fev de 2014

Aldeir Tôrres - Campeonato Brasileiro. Série A.

Marin mostra preocupação, mas garante Brasileirão com 20 clubes.



Dentro de campo, o Campeonato Brasileiro 2013 foi disputado até o dia 08 de dezembro. Fora dele, entre liminares e recursos, segue a briga da Portuguesa, que perdeu pontos no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e acabou rebaixada, para permanecer na divisão de elite no futebol nacional. 
Em visita a Belo Horizonte, onde participou da solenidade de entrega do Troféu Guará, dado aos melhores do futebol mineiro, o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), José Maria Marin, se mostrou preocupado com a situação envolvendo a principal competição do futebol nacional. Para ele, o Campeonato Brasileiro 2014, que ainda não teve sua tabela revelada, pode ser prejudicado por causa de ações de times na Justiça comum.
- Realmente é preocupante a situação atual. É lamentável que clubes procurem a Justiça comum, quando existe uma justiça especializada. Mas nós contratamos, acredito que os melhores, advogados especializados em direito e legislação esportiva,  e uma a uma as liminares estão sendo derrubadas. Tenho confiança total que até o inicio do Brasileiro os problemas já estarão resolvidos. 
Apesar da preocupação, o dirigente foi enfático ao dizer que o Campeonato Brasileiro será disputado com 20 clubes, além de acreditar que as decisões do STJD sejam mantidas.
- Com certeza absoluta não será com 24 clubes, será com 20 clubes. Nós temos confiança no poder judiciário brasileiro. Eles saberão conduzir da melhor forma possível. A tabela sai agora em fevereiro e vai sair de acordo com o que foi determinado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva. A não ser que haja alguma determinação diferente, nós respeitamos o STJD, mas acima de tudo o Poder Judiciário Brasileiro.
Perguntado se o Fluminense ficaria na primeira divisão e Portuguesa seria rebaixada, Marín foi evasivo e preferiu dizer que acredita nos advogados para derrubar as liminares.
- Eu continuo confiando que derrubaremos todas as liminares. Eu confio nas capacidade e competência dos nossos advogados. Uma a uma as liminares estão sendo derrubadas. Eu não tenho a menor dúvida que nós vamos continuar com a atual fórmula do Campeonato Brasileiro e com o número de participantes atual. São advogados especializados, sempre atuaram com direito esportivo e eu não tenho a menor duvida que nossos advogados vão obter sucesso. Eu não quero me alongar nisso (risos). Só acredito que nós vamos derrubar todas as liminares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário