19 de abr. de 2013

Aldeir Tôrres

Classificação guerreira

O Fluminense obteve a classificação para as oitavas da Libertadores, mas não foi fácil como se poderia imaginar. Teve um pouco técnica e foi preciso muito do espírito guerreiro para bater o Caracas por 1 a 0, em São Januário.

O time de Abel não sabe jogar sem o homem de referência e a ausência de Fred tira o brilho do ataque. Abel pediu que os atacantes jogassem tentando tirar os zagueiros da área, para a penetração dos homens de meio-campo. Não funcionou.

Se Wagner e Rhayner jogavam bem, Wellington Nem e Rafael Sóbis estiveram muito abaixo do que podem produzir. E foi exatamente Sóbis, o jogador menos efetivo em campo, que marcou o gol da vitória. Em jogada de Carlinhos, Rhayner disputou com o zagueiro e a bola sobrou limpa para Sóbis marcar.

O Fluminense confirmou o primeiro lugar do grupo 8 e vai enfrentar o Emelec nas oitavas de final. Sem a técnica de Deco e Thiago Neves e a estrela de Fred, o Flu terá que redobrar o espírito guerreiro para ir longe na Libertadores, em busca do sonhado título.

Nenhum comentário:

Postar um comentário