9 de mar de 2013

Vasco

Treino do clube acaba mais cedo após vaia de torcida e bronca de Dedé
Na véspera de uma final, a torcida tem o papel de incentivar a equipe que vai buscar um título. Mas, neste sábado, um grupo de integrantes de uma organizada do Vasco causou desconforto em São Januário. Após vaiarem um lance durante o rachão (veja no vídeo ao lado), eles foram repreendidos pelo zagueiro Dedé.

- Vocês vieram ao treino para vaiar?

O estopim foi um chute para fora de Fellipe Bastos. Imediatamente, dois seguranças se dirigiram até o local onde estavam os cerca de 30 torcedores, pedindo que se acalmassem. Anteriormente eles já haviam criticado o atacante Romário, que desperdiçou uma chance de gol no treino recreativo.

Por ironia, os mesmos torcedores já haviam ovacionado Dedé quando ele marcou um gol contra no rachão, provavelmente sem saber que ele havia cometido uma falha.

- Não é legal, ainda mais na véspera de uma decisão. Mas sabemos que o verdadeiro torcedor vai estar no Engenhão e vai nos apoiar do início ao fim - afirmou o lateral-esquerdo Thiago Feltri.

Pouco depois do momento de desconforto, o rachão terminou e os jogadores foram para o vestiário, pouco tempo depois de ter começado o segundo tempo. No intervalo, Bernardo já havia deixado o gramado após conversar com o médico, reclamando de dor na coxa esquerda. Mas após ser examinado, nada de sério foi constatado, e o meia está confirmado contra o Botafogo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário