28 de fev de 2013

Libertadores

Nervoso e sem inspiração, Palmeiras perde para o Libertad no Paraguai

Nicolás Leoz

Libertad 2 x 0 Palmeiras

Se o primeiro jogo como visitante na Taça Libertadores da América era importante para avaliar as perspectivas do Palmeiras no torneio, o torcedor alviverde voltou a ter motivos para se preocupar. Perdido na grande parte do tempo e muito nervoso, o time de Gilson Kleina mostrou apenas dez minutos de bom futebol e não foi páreo para o Libertad, que venceu com propriedade por 2 a 0, em Assunção, e assumiu a liderança do Grupo 2 do torneio sul-americano. O resultado acabou com uma invencibilidade de sete jogos da equipe do Palestra Itália na temporada.

Foi uma noite em que nada deu certo para o Verdão. A defesa marcou mal; o meio-campo não conseguiu dar proteção e pouco criou; e o ataque levou perigo em apenas duas jogadas. Escalados no segundo tempo, Valdivia e Kleber pouco acrescentaram. O treinador Gilson Kleina tentou de tudo: mexeu no esquema tático, botou o time no ataque, gritou o tempo todo do banco de reservas. Mas nada funcionou.

Com a vitória, os paraguaios chegam a seis pontos, deixando o Verdão com os três da vitória conquistada sobre o Sporting Cristal na estreia, na terceira colocação. Os peruanos, que venceram o Tigre por 2 a 0 nesta quarta-feira, têm a mesma pontuação, mas um saldo de gols melhor (1 contra -1). Os argentinos ocupam a lanterna, zerados.

O Palmeiras folgará no fim de semana. O jogo contra o Paulista de Jundiaí, pelo Paulistão, foi adiado para o dia 14. Assim, o time poderá se preparar melhor para a partida contra o Tigre, quarta-feira, na Argentina. Pelo Paulistão, o próximo compromisso está marcado para o dia 10, contra o São Paulo, no Morumbi.

Nenhum comentário:

Postar um comentário