28 de fev de 2013

Aldeir Tôrres

Corinthians sem torcida

Sobre os quatro torcedores que conseguiram liminar para assistir ao jogo, é desnecessário discutir se estavam em seu direito e se a liminar foi concedida para atender interesses ou não. A questão me parece mais de um grupo que comprou entradas para um evento qualquer do que um grupo de apaixonados. Nenhum torcedor arriscaria atrapalhar seu clube somente para provar que estavam certos e tinham o direito adquirido.

Tem hora que é melhor abrir mão do que provar estar certo. Torcedor serve para apoiar? Não foi o que os quatro fizeram. Estavam no direito deles, amparados (com controvérsias jurídicas) pela lei, mas só isso. Não torceram, não deram força, não ajudaram o clube. Provaram que a lei estava do seu lado e só.

Nenhum comentário:

Postar um comentário